Mundo

Oficial afegão: Ataque de morteiro em Kandahar mata 5 pessoas

O porta-voz da polícia provincial Jamal Naser Barekzai culpou o Taleban pelo ataque, embora os militantes negassem a responsabilidade.

Uma visão de um mercado que foi fechado devido aos temores de segurança durante os combates entre o Taleban e as forças de segurança afegãs na província de Herat, a oeste de Cabul, Afeganistão, domingo, 1º de agosto de 2021. (Foto AP)

Um morteiro atingiu um táxi na província de Kandahar, no sul do Afeganistão, no domingo, matando pelo menos cinco civis, incluindo duas crianças, disse uma autoridade afegã.

O porta-voz da polícia provincial Jamal Naser Barekzai culpou o Taleban pelo ataque, embora os militantes negassem a responsabilidade.

Tanto o Taleban quanto o governo costumam culpar uns aos outros pelos ataques a civis na capital Cabul e em outros lugares. Os perpetradores raramente são identificados e o público raramente é informado dos resultados das investigações sobre a violência.

A guerra entre o Talibã e as forças de segurança e defesa nacional do Afeganistão se intensificou nos últimos meses, à medida que as tropas dos EUA e da OTAN concluem sua retirada do país devastado pela guerra. O Taleban agora está tentando tomar capitais de províncias, depois de já ter conquistado distritos administrativos menores nos últimos meses.

O porta-voz das Forças Armadas afegãs, general Ajmal Omar Shinwari, disse no domingo em uma coletiva de imprensa que três províncias no sul e oeste do Afeganistão enfrentam situações críticas de segurança. O exército está tentando interditar o movimento do Taleban na província de Helmand, acrescentou.

O sul de Kandahar –– o local de nascimento do Talibã –– bem como as províncias de Helmand e Herat testemunharam vários ataques.

O chefe do conselho provincial de Helmand, Attaullah Afghan, disse que o Taleban aumentou suas forças na capital da província de Lashar Gah no domingo, confirmando que os insurgentes agora têm o controle do sétimo distrito da cidade.